Menu Toggle

Bem-vindo ao Fórum Vodafone

Net Voz

Rescisão de contrato após sucesivos erros

Highlighted
Novo Utilizador
Recentemente, em 10/2019 mudei a sede da empresa da qual sou sócio gerente, da cidade de Coimbra para Leiria, e, como tal, solicitei uma mudança de morada de serviços TV-NET-VOZ da Vodafone, contudo, na nova morada ainda não havia fibra disponível. Fui informado por vários agentes tanto em lojas físicas, como por telefone, que não havia uma previsão, nem perspetiva de data da chegada da fibra ao edifício em questão. Tendo sido o primeiro inquilino do edifício iniciei todo o processo de identificação geográfica do mesmo. Depois de muita insistência, cerca de 3 semanas depois, junto de uma agente da Vodafone empresas de Leiria, foi-me informado que poderia colocar um serviço de substituição para mitigar o transtorno que implicava não ter acesso ilimitado à internet, bem como aos conteúdos televisivos no seio de uma empresa, tendo chegado durante este período faturas avultadas, tendo em conta o valor base contratado, por exceder o tráfego previsto no tarifário para os 2 telemóveis que fazem parte deste pacote (3Gb cada um).
Este novo serviço proposto tratava-se de um router 4G-LTE + telefone, que resolveria o problema até chegar a fibra.
(É de realçar que nesta altura, fruto de uma das várias tentativas de me resolverem o problema em lojas físicas da cidade, um funcionário da seção empresarial telefonicamente, mais ou menos no fim do mês de outubro, garantindo-me que a fibra chegaria na semana a seguir, tentando coagir-me a pedir um novo contrato, algo que nunca aconteceu e que recusei. Mais tarde voltei a ter uma outra proposta telefónica de outra agente, na qual me descreveu um novo plano, no sentido de aceitar a proposta e fazer uma espécie de reserva para salvaguardar as condições por ela apresentadas).
Aceitei e assinei os termos de aquisição desta nova modalidade (4G-LTE + telefone), contudo, durante este processo, por motivos que a agente em causa nunca me soube especificar, esta alternativa estaria bloqueada. Por indicação da própria liguei para o serviço de atenção ao cliente de empresas, e depois de vários telefonemas e insistência de minha parte, direcionaram-me para um outro agente, que me garantiu que resolveria toda a situação. Em nenhum momento o acordado nessa conversa telefónica poria em causa o que eu sempre pretendi, um contrato de TV + NET + Voz com as mesmas características em todos os âmbitos que possuía na antiga morada, nomeadamente no que diz respeito à prestação mensal (~64euros com IVA incluído), apesar de saber que poderia sofrer alterações atendendo às campanhas vigentes.
(De ressalvar que se chegou a acordo com estes valores após ter sido contactado pelas diferentes operadoras e me terem apresentado a proposta que menciono, a qual prontamente foi igualada pela Vodafone, mas só e apenas a título de ultimato, uma vez que telefonicamente me foi complemente impossível, chegando mesmo a dizer a vários dos agentes da Vodafone que me ligaram, que infelizmente iriam perder um cliente).
Na minha boa fé, e após abordagem deste agente nesta chamada telefónica, disse-me que resolveria a questão do problema do serviço, ainda, não ter sido instalado e que ficaria servido com essa mesma modalidade (4G-LTE), nunca quis renegociar nada nesta fase, nomeadamente no que diz respeito às características do serviço antigo de fibra, apenas pretendia uma solução intermédia, e no meu ponto de vista legítima, enquanto a fibra não chegava. Foi me proposto nessa mesma altura uma nova alternativa para os telemóveis, que ficariam com mais Gb, a qual nunca me foi indicada verbalmente que seria definitiva e durante um período de fidelização de 24 meses, mais, não fazia ideia sequer que daria para fazer fidelizações desta índole por telefone, sem ter que assinar nada. Contudo, o serviço 4G-LTE acabou por ser instalado uma 3ª feira de manhã em novembro, e sem qualquer indicação de minha parte de um serviço fibra NET-VOZ na 6º feira dessa mesma semana, tendo em conta que com grande coincidência essa semana tinha chegado a fibra. Desde esse momento que na minha fatura figuram dois serviços, dos quais apenas contratei um. Após dezenas de telefonemas pela linha de empresas (16914), com custo de chamada acrescido fora do tarifário em vigor, de vez em quando conseguia encontrar o agente encarregue de resolver todo este, já, imbróglio, o qual me assegurou que toda a situação ia e estava a ser resolvida. Após vários telefonemas infrutíferos e alguns desentendimentos telefónicos, foi me finalmente indicado um número 808 para não estar constantemente a perder dinheiro em chamadas fora do plano. Através deste número liguei outras tantas vezes sem conseguir falar com este agente, o qual estava e está sempre ocupado, não me podendo devolver as chamadas e cumprir com o estipulado. Há cerca de 3 semanas o serviço 4G-LTE foi finalmente desativado e procederam a fazer os cálculos do dinheiro pago indevidamente durante este período de tempo com os dois serviços, sendo descontados na próxima fatura do presente mês de fevereiro. Entretanto, descontente com a situação, voltei a ligar para me restabelecerem o serviço que possuía na anterior morada (TV+Net+VOZ), e não consegui falar com o agente em causa, que me ligaria mais tarde a dizer que a alteração do tarifário dos telemóveis estava feita e não havia volta a dar, estava fidelizado até completar 24 meses desde o telefonema de novembro, e para adicionar a televisão era um incremento de pelo menos mais 20 euros (IVA incluído), face ao base que tinha anteriormente (~64 euros).
Tudo isto para dizer que não têm o direito de obrigar os clientes a aceitar tudo que eles querem e propõem, muito menos impor tarifários e ter que aceitar esta trajetória de erros sucessivos, que de resto foram admitidos telefonicamente, malgastando o meu tempo, implicando gastos acrescidos para a empresa, bem como múltiplos desentendimentos telefónicos, o último dos quais com uma supervisora, muito desagradável, no qual esta senhora desempenhou um papel quase jurídico, sem poderes para tal, informando que tinha auditado uma das minhas conversas com o referido agente, alegando que estava a par de todo este enredo que dura há meses, com base nessa única chamada analisada, e taxativamente me disse que não tinha direito a nada, muito menos a rescindir um contrato por justa causa. Chegou mesmo a dizer que quem tinha lesado a Vodafone tinha sido a minha empresa, tendo em conta que foram realizadas duas instalações.
Após expor esta situação por escrito à Vodafone e à anacon, esta última ainda não se manifestou, rapidamente recebi uma resposta da Vodafone onde basicamente descrevem que não tenho direito ao que quer que seja, que me devolveram o crédito de um dos serviços que acabaram por cancelar, o 4G-LTE, o qual por ordem natural teria evoluído para fibra, a título excecional, ficando em vigor o que lhes interessa obviamente mais caro. Desta forma para rescindir contrato teria que pagar tudo o devido, segundo esta empresa, até ao fim do contrato. Contudo, no e-mail resposta figura em anexo um contrato por mim assinado, para provar esta minha dívida, mas que corresponde ao que assinei primeiramente na loja física relativo ao serviço 4G-LTE, portanto, erro crasso, que só demonstra a falta de cuidado e rigor de quem analisa estas situações. Neste caso a soberba e ganância de responder contra as reivindicações do cliente teve este infeliz resultado.
A título de conclusão, após toda a temática exposta, e na qualidade de sócio gerente da empresa em questão, venho por este meio pedir a rescisão do contrato de telecomunicações em vigor com a empresa Vodafone, com efeito a partir do próximo mês de março de 2020. Fico a aguardar instruções futuras neste sentido, nomeadamente a necessidade de enviar uma minuta com este conteúdo.
Mostrar mais
3 RESPOSTAS 3
Moderador

Olá Luispires1,

 

Compreendemos e lamentamos a sua insatisfação. Não é de todo esta a imagem que a Vodafone pretende transparecer. Todas as situações que nos são reportadas, são analisadas e resolvidas sempre com a maior brevidade e profissionalismo possível.


A Vodafone continua a apostar num atendimento de excelência sendo que os funcionários que prestam Apoio nos diversos canais de atendimento da Vodafone, incluído os técnicos, possuem a formação nos produtos e serviços de forma a ajudar o Cliente da melhor forma. Garantimos que a satisfação dos Clientes é um dos nossos principais objetivos.

 

Contudo, tratando-se de um serviço empresarial, será necessário o contacto com a nossa linha de Apoio ao Cliente Empresarial 16914.

 

Em alternativa, poderá contactar diretamente o seu gestor de conta.

 

Obrigado,

Rodolf_Vodafone

Mostrar mais
Highlighted
Novo Utilizador

Obrigado pela prontidão da resposta, mais uma vez não terá lido o que descrevo, já tenho um número 808 para ligar para esse fim, sem os custos associados da linha 16914, apesar de ser uma reclamação. Já esgotei ligar para todas estas linhas, não vou falar com mais ninguém, será sempre tudo por escrito uma vez que verbalmente já tentei tudo.

Mostrar mais
Highlighted
Moderador

Olá Luispires1,

 

Nesse caso, sugerimos que exponha a situação através do nosso formulário online em: http://vfpt.pt/rsociais6.

 

Obrigado,

Rodolf_Vodafone

Mostrar mais